Domingo Aéreo no PAMA-SP – 20 de outubro 2019 – Poder Aéreo

No dia 20 de outubro, domingo, ocorrerá nas dependências do Parque de Material Aeronáutico de São Paulo (PAMA-SP) o tradicional Domingo Aéreo no Campo de Marte, em sua edição 2019. O evento de portões abertos contará com a apresentação da Esquadrilha da Fumaça e outras demonstrações aéreas, exposição de aeronaves e brinquedos e atrações infantis. Para quem quer fotografar, o domingo aéreo no PAMA-SP é uma oportunidade, melhor ainda se a meteorologia ajudar. Espera-se que várias oficinas sejam abertas à visitação do público, assim será possível ver os caças F-5M em manutenção. Moro em Santana e não faço questão nenhum de ir. Já fui durante anos, mas depois que misturaram aviação militar com outros interesses, o evento perdeu a graça. Sim Galante. Mas pra não me decepcionar como nos outros anos, prefiro ver a passagem dos F-5s da sacada do apartamento, já que moro praticamente no muro do Campo de Marte. Retornarei ao Domingo Aéreo somente quando os F-39s estiver operacionais e passarem por aqui, sendo otimista, daqui a uns dois anos. Ano passado foi até que legal, o aviador no comando do F-5 era um piloto de testes da FAB. Tomara que venha o mesmo, já que não me recordo de passag...

Huawei CEO Richard Yu displays the new Huawei P30 smartphone during a presentation, in Paris, Tuesday,

Huawei CEO Richard Yu displays the new Huawei P30 smartphone during a presentation, in Paris, Tuesday, March 26, 2019. They are powered by Android…for now. (AP Photo/Thibault Camus) photo credit: ASSOCIATED PRESS If you had asked a Chinese government official last year if their tech companies were on par with those in the U.S., they would have laughed at you. They are years behind. They are a poor country, they’d tell you. Fast forward until the end of 2018 and Huawei is now a household name.  It is both the posterchild multinational of Chinese technological advancement and Public Enemy No. 1 in Washington. Huawei may single-handedly be the biggest disruptor in the U.S.-China trade relationship. It may yet prove to be the biggest disruptor for Apple and Google in China, let alone the world. Huawei is a case-in-point of how American companies and Chinese intellectual property theft have created a beast. And while Huawei has been accused of spying in Europe, it has never been accused of doing so in the U.S., and its latest fight with the Trump Administration is not over IP. It’s now over national security, something Washington often uses to get its way. A woman ...